Artigos

Expiração - Expiração

Expiração

Segundo tempo da respiração, em que o ar é expulso dos pulmões para o exterior.

Expetoração - Expetoração

Expetoração

Material que provém dos pulmões, brônquios e traqueia e é expelido pela boca.

Pneumonia - Pneumonia

Pneumonia

A pneumonia é uma infecção ou inflamação nos pulmões. Esta afeção pode ser causada por vários microorganismos diferentes, incluindo vírus, bactérias, parasitas ou fungos. Esta doença é muito frequente e afeta pessoas de todas as idades.

Os sintomas mais comuns de pneumonia são a tosse produtiva com expectoração, dores no tórax, febre, arrepios e falta de ar. Estes sintomas estão habitualmente muito relacionados com a extensão da doença. A auscultação pulmonar dos doentes com pneumonia apresenta habitualmente uma modificação característica da transmissão dos sons.

Na maioria dos casos, o diagnóstico confirma-se através de uma radiografia ao tórax. Podem, também, ser efectuados exames bacteriológicos da expectoração e do sangue, com o fim de identificar o microrganismo responsável. No entanto, em metade dos indivíduos com pneumonia não se chega a identificar o agente causal.

Nocardiose - Nocardiose

Nocardiose

Doença provocada pelas bactérias do género Noocardia, afetando principalmente os pulmões, a pele e o encéfalo e que forma abcessos. A nocardiose trata-se com antibióticos.

images5 - Aspergilose (ou aspergilíase)

Aspergilose (ou aspergilíase)

Doença rara em que o fungo Aspergillus fumigatus cresce livremente em lesões preexistentes dos pulmões e dos bronquíolos. Às vezes, o fungo ataca as membranas mucosas dos olhos, do nariz e na uretra e de alguns órgãos internos como os pulmões, o fígado e os rins.

Pneumoconiose - Pneumoconiose

Pneumoconiose

Nome genérico dado às inflamações crónicas dos pulmões que afetam os trabalhadores que inalam constantemente partículas irritantes. A doença produzida pode ser da natureza de uma pneumonia intersticial crónica, mas é muito propensa a transformar-se numa tuberculose pelo ataque do bacilo de Koch ao pulmão doente.

Inspiração - Inspiração

Inspiração

Primeiro tempo da respiração em que o ar é introduzido nos pulmões.

Hipertensão pulmonar - Hipertensão pulmonar

Hipertensão pulmonar

Estado em que se produz um aumento da pressão sanguínea nos vasos sanguíneos que irrigam os pulmões (a pressão sanguínea da artéria pulmonar é normalmente muito mais baixa do que no interior da aorta e das suas ramificações). A hipertensão pulmonar pode ser produzida pela embolia pulmonar, defeitos septais, insuficiência cadíaca, doenças da válvula mitral e pelas doenças crónicas dos pulmões. Pode também ocorrer sem nenhuma causa aparente ou conhecida (hipertensão pulmonar primária). O ventrículo direito aumenta de volume e pode produzir-se desfalecimento cardíaco, colapso e dores torácicas. O tratamento é o da sua causa; as drogas para controlar a hipertensão são eficazes.