Artigos

Siringomielia - Siringomielia

Siringomielia

Doença da espinal medula em que se formam cavidades longitudinais na zona cervical da referida medula (pescoço). A cavidade situada na região central produz com toda a certeza a lesão das células motoras nervosas e das fibras nervosas que transmitem as sensações de dor e temperatura. Produz-se especificamente uma debilidade e atrofia dos músculos das mãos com perda da sensibilidade à dor e à temperatura.

sintoma - Sintoma

Sintoma

Manifestação de uma doença ou perturbação que o próprio doente nota.

SIDA - SIDA (síndrome de imunodeficiência adquirida)

SIDA (síndrome de imunodeficiência adquirida)

Doença caraterizada pela perda da resposta imunitária citodependente, devido à diminuição do número de certos linfócitos T. Depois de um período prolongado de incubação (até três anos), o doente apresenta febre, perda de peso, espessamento dos gânglios linfáticos e finalmente acaba por sucumbri a certas infeções graves (por exemplo, uma pneumonia severa produzida pelo inóquo protozoário Pneumocystis carinii) ou pelo cancro, particularmente o sarcoma de Kaposi. No início, a SIDA apareceu preferencialmente entre homessexuais, mas depois começou a afetar igualmente os heterossexuais, pois a doença transmite-se através de profutos hemáticos. O agente causador é um retrovírus com capacidade antigénica.

Radioterapia - Radioterapia

Radioterapia

Tratamento de uma doença com radiações penetrantes como nos raios X, os raios beta ou os raios gama. O feixe da radiação pode ser dirigido à parte do doente de uma certa distância ou mediante material radioativo em forma de agulhas, arames ou pequenas esferas implantados no corpo. Muitas formas de cancro podem ser destruídas com irradiações. A única complicação é o risco de lesionar os tecidos normais.

Radiologia - Radiologia

Radiologia

Ramo da Medicina que envolve o uso das radiações, incluindo os raios X e as substâncias radioativas para o diagnóstico e tratamento da doença.

quimioterapia - Quimioterapia

Quimioterapia

Prevenção ou tratamento de uma doença com o uso de substâncias químicas. Este termo restringe-se às vezes ao tratamento das doenças infecciosas com antibióticos ou outras drogas, ou ao controlo de um cancro com antimetabolitos e drogas semelhantes.

nitroglicerina - Profiláctico

Profiláctico

Agente que impede o desenvolvimento de uma afeção ou doença. A nitroglicerina, por exemplo, utiliza-se para impedir os ataques de angina de peito.

Polineuropatia - Polineuropatia

Polineuropatia

Qualquer doença que afete todos os nervos periféricos. Os sintomas declaram-se primeiro nas pontas dos dedos dos pés e das mãos, nas terminações da fibra nervosa e posteriormente alastram pelo tronco. Os sintomas costumam ser mais ou menos simétricos.

Pelagra - Pelagra

Pelagra

Doença da nutrição causada pelo défice de ácido nicotínico  ou em aminoácido triptófano a partir do qual se sintetiza no organismo o ácido nicotínico. É comum nas comunidades cujo alimento principal é o milho. Os sintomas da pelagra são dermatite descamativa nas superfícies descobertas, perturbações digestivas e mentais.

Paraplegia - Paraplegia

Paraplegia

Paralisia de ambas as extremidades inferiores, geralmente devida a uma doença ou traumatismo da espinal medula. Costuma ser acompanhada por perda da sensibilidade abaixo do nível em que se produz o traumatismo e perturbações da função vesical.