Artigos

9240 11232 5 - Cerebrospinal

Cerebrospinal

Que se relaciona com o cérebro ou com o encéfalo e a medula espinal.

hemisferios - Cerebite

Cerebite

Inflamação dos hemisférios cerebrais.

Alzheimer doença de A. - Alzheimer (doença de A.)

Alzheimer (doença de A.)

Demência pré-senil, com deterioração psíquica grave, acompanhada de sintomas neurológicos focais e tendo por base anátomo-patológica uma atrofia progressiva do cérebro.

Polioencefalite - Polioencefalite

Polioencefalite

Infeção vírica do cérebro que provoca uma lesão determinada na substância cinzenta dos hemisférios e do tronco cerebral. A infeção costuma ser transmitida ao homem através da picada de um mosquito ou de uma carraça.

Nervo - Nervo

Nervo

Conjunto de fibras nervosas condutoras que transmitem os impulsos do cérebro ou da espinal medula aos músculos e glândulas (nervos motores) ou para o sistema nervoso a partir dos órgãos dos sentidos (nervos sensitivos). Os nervos, na sua maioria, são mistos, contendo fibras nervosas motoras e sensitivas, que se dirigem para e desde uma determinada região corporal.

Síncope - Síncope

Síncope

Perda de consciência induzida pelo fornecimento insuficiente de sangue ao cérebro temporariamente. Ocorre com frequência em pessoas que, por outro lado, têm saúde e pode ser causado por um choque emocional, por bipedestação muito prolongada ou por traumatismos e hemorragias profusas. A afeção apresenta-se gradualmente com sensação de frouxidão, sudação e visão turva. A recuperação costuma ser rápida e não costuma haver sequelas.

Neurónio motor1 - Neurónio motor

Neurónio motor

Uma das unidades (neurónio) que permite a formação de uma via nervosa entre o cérebro e um órgão efetor como o músculo esquelético. Um neurónio motor superior tem o seu corpo celular no cérebro e prolonga-se até à espinal medula, onde termina com uma sinapse. Está, portanto, completamente incluído no sistema nervoso central. Um neurónio motor inferior tem, pelo contrário, o seu corpo celular na espinal medula e dirige-se para a periferia formando os nervos cranianos ou os nervos motores espinais que se vão dirigir ao órgão efetor.

Nervo sensitivo - Nervo sensitivo

Nervo sensitivo

Nervo que conduz informação interna procedente de uma parte do corpo, até ao sistema nervoso central. Os diferentes nervos sensitivos conduzem informação ao cérebro sobre a temperatura, a dor, o tato, etc.

Nervo auditivo - Nervo auditivo

Nervo auditivo

Oitavo par craniano que transporta os impulsos sensoriais desde o ouvido interno ao cérebro. Tem dois ramos: o nervo vestibular e o nervo coclear. O nervo coclear conduz os impulsos originados na cóclea esprial e é o nervo da audição, ao passo que o nervo vestibular, que serve para o equilíbrio, transmite 0s impulsos desde os canais semicirculares, com a informação referente à posição, ao movimento e ao equilíbrio.

Leucotomia - Leucotomia

Leucotomia

Interrupção cirúrgica das vias que formam as fibras brancas nervosas no interior do cérebro. Era a intervenção mais comum da psicocirurgia até que começou a ser desacreditada. Foi praticada pela primeira vez em 1936 pelo neurocirurgião português Egas Moniz para o tratamento de algumas doenças mentais.

A leucotomia pré-frontal consiste na secção das fibras nervosas que ligam o lobo frontal ao tálamo e às fibras de associação do lobo frontal. A operação era bem sucedida ao reduzir a intensa tensão emotiva, mas tinha graves efeitos secundários, entre os quais se incluíam a epilepsia e as mudanças da personalidade que derivavam para a apatia e irresponsabilidade. As modernas técnicas praticam a esterotaxia, em que se destroem seletivamente áreas cerebrais pequenas. Os efeitos secundários são escassos e a intervenção é praticada para tratar a dor irredutível, as depressões graves, as neuroses obsessivas e a ansiedade crónica, quando a intensa tensão emocional não pode ser eliminada de outro modo.