flexor curto do polegar - Abdutor longo do polegar

Abdutor longo do polegar

Desde a membrana interóssea e desde o rádio ao primeiro metacarpiano; abduz e estende o polegar; abduz e supina a mão.

p 128 - Angina de peito

Angina de peito

Dor na região anterior do tórax desencadeada pelo esforço, emoções ou frio e aliviada com o repouso e o uso de certas drogas. Pode irradiar para o maxilar inferior e braços. A angina de peito produz uma sensação de asfixia, angústia e morte. Deve-se a uma dimunição do fornecimento de oxigénio ao músculo cardíaco, pela lesão geralmente devida a ateroma, das artérias coronárias que irrigam o coração. Pode ser prevenida ou aliviada por certas drogas como o prpopanolol e a nitroglicerina. Se estes medicamentos não forem eficazes devem ser eliminados através de cirurgia, os segmentos alterados das artérias coronárias, sendo substituídos por enxertos venosos ou arteriais.

28139 458872674184713 1865416346 n - Abasia

Abasia

Perda mais ou menos completa da capacidade de estar de pé ou andar, sem perturbação da força muscular nem da sensibilidade. Encontra-se geralmente em doentes histéricos. Não se emprega este termo quando o doente perdeu a marcha em consequência de uma fractura, luxação ou qualquer deformidade.

Anexopexia - Anexopexia

Anexopexia

Operação pela qual se fixam os anexos uterinos, ou seja, os ovários, as trompas de falópio e os respetivos ligamentos à parede abdominal, para corrigir posições viciosas dos mesmos.

anabolizantes - Anabolizante

Anabolizante

Substância que promove o aumento do peso corporal por aumento do anabolismo proteico.

images 111 - Adenóides

Adenóides

Aglomeração de tecido linfoide localizada na rinofaringe.

Asma 2 - Asma

Asma

Estado caraterizado por ataques paroxísticos de broncoespamo com respiração difícil. A asma brônquica pode desencadear-se por exposição a um ou diversos estímulos, entre os quais se incluem os alergénios (alguns produtos farmacêuticos como a aspirina), o esforço, as emoções e as infeções. O primeiro ataque pode produzir-se a qualquer idade, mas normalmente começa muito cedo quando se associa, em indivíduos alérgicos, com outras manifestações de hipersensibilidade, como o eczema e a febre dos fenos.

Alguns medicamentos potentes, entre os quais se incluem os corticosteróides, controlam atualmente os ataques asmáticos que podem ser muito graves e prolongados. A eliminação de certos alergénios conhecidos e a dessensibilização aos mesmos podem reduzir a frequência dos ataques. A asma cardíaca produz-se na claudicação do ventrículo esquerdo cardíaco e deve diferenciar-se da asma brônquica, já que o seu tratamento é diferente. Para um alívio imediato da asma brônquica, pode utilizar-se um inalador. Este deve ficar a uns dois centímetros da boca aberta do indivíduo, que respirará lenta e profundamente. Depois de iniciar uma respiração, deve premir-se o inalador. É importante controlar a frequência com que se recorre ao inalador.

Tipos de articulações1 - Anfiartrose

Anfiartrose

Articulação semimóvel. Articulação em que as superfícies ósseas estão ligadas por discos de fibrocartilagem.

abscesso base mandibula - Abcesso

Abcesso

Formação de pus em qualquer organismo, rodeada e enquistada por tecidos danificados e inflamados. O furúnculo é um exemplo de abcesso na pele. A causa mais comum é uma infecção bacteriana local, geralmente de tipo estafilocócico, que as defesas orgânicas não puderam dominar ou eliminar. No abcesso frio, que geralmente se deve ao bacilo da tuberculose, há volume ou tumefação, mas pouca dor ou inflamação como acontece nos abcessos agudos. O tratamento consiste na administração de antibióticos e na incisão cirúrgica para drenar o pus. Abcesso celebral é a acumulação do pus no cerebral.

Adipose - Adipose

Adipose

Obesidade. Infiltração gorda.