Entries by Sáude

Dentição

Distribuição dos dentes na boca. A dentição de leite compreende os dentes das crianças pequenas. É formada por 20 dentes, unicamente incisivos, caninos e molares. A dentição permanente é formada por 32 dentes, que compreendem incisivos, caninos, pré-molares e molares.

Pick, doença de

Causa rara de demência nas pessoas de meia-idade. A lesão localiza-se preferentemente nos lobos frontal e temporal do cérebro, em contraste com a degeneração difusa da doença de Alzheimer.

Flebite

Inflamação da parede de uma veia que quase sempre se apresenta nas extremidades inferiores como complicação das veias varicosas. Um segmento da veia torna-se doloroso e sensível ao mesmo tempo que a pele à volta fica quente e se apresenta avermelhada. Normalmente, desenvolve-se uma trombose (tromboflebite). O tratamento consiste na aplicação de ligaduras elásticas, assim […]

Parestesia

Sensação anormal e espontânea de formigueiro. Constitui um sintoma de lesão parcial de um nervo periférico.

Flatulência

Gás intestinal, composto em parte por ar deglutido e em parte por gás procedente da fermentação bacteriana do conteúdo intestinal. É formado por hidrogénio, dióxido de carbono e metano em proporções variáveis.

Flacidez

Diminuição da tonicidade muscular que se observa em certas paralisias.

Fixação

Paragem do desenvolvimento psicológico por fatores traumáticos que impedem na criança a passagem ao estádio seguinte. Afirma-se que a fixação é a causa das doenças mentais e das perturbações da personalidade.

Fístula

Comunicação anormal entre dois órgãos ocos ou entre um órgão oco e o exterior. Muitas fístulas devem-se a infeção ou a traumatismo. Por exemplo, uma fístula anal pode desenvolver-se como consequência da abertura espontânea de um abcesso no reto, criando uma comunicação entre o canal anal e a superfície da pele. Algumas fístulas são consequência […]

Enema

Quantidade de líquido introduzido no reto através de uma cânula colocada no  ânus.

Ficomicose

Doença causada pelos fungos parasitas dos géneros Rhizopus, Absidis e Mucor. A ficomicose sinocerebral afeta os seios perinasais, o sistema nervoso central, ou pulmões e os tecidos cutâneos. Os fungos podem crescer nos vasos sanguíneos dos pulmões e do tecido nervoso, provocando a formação de coágulos que impedem a irrigação sanguínea.